A partir de que idade é recomendado colocar aparelho?

Existe uma idade ideal para o uso do aparelho ortodôntico? Criança também pode usar? Descubra mais neste artigo!

O aparelho ortodôntico é o tratamento ideal para quem deseja conquistar um sorriso alinhado. Inclusive, esse é o desejo de crianças e adolescentes que apresentam dentes desalinhados. Mas será que eles estão na faixa etária ideal para isso?

A resposta para isso é que sim, é possível que crianças e adolescentes façam o uso do aparelho. Geralmente, a partir dos 7 anos, a criança já pode passar por uma avaliação com o dentista, para esse fim. 

O profissional vai avaliar todas as condições da saúde bucal do paciente, determinando se é o momento certo de usar o aparelho ou não. 

Avaliação

Nessa idade, os dentes da criança estão em formação, mas já é possível que o dentista identifique se há problemas de posicionamento dos dentes e da mandíbula.

E essa avaliação precisa ser feita com todo o cuidado pelo profissional, porque nessa fase a criança começa a ganhar os seus primeiros dentes permanentes, que podem ser prejudicados se houver qualquer erro no olhar do profissional.  

Portanto, a idade ideal para colocar aparelho pode variar, de acordo com o problema encontrado. Assim, o odontopediatra que acompanha a criança vai indicar qual o melhor tratamento. 

A popularização do aparelho ortodôntico, a partir dos anos 80, reforçou o estereótipo de quem usava aparelho era adolescente a partir de 11 anos, com o seu clássico “sorriso metálico”. 

Mas com o passar do tempo, estudos científicos constataram que os dentes de leite também podem ser corrigidos, possibilitando que crianças menores também fizessem uso do aparelho. 

Chamado de ortopedia funcional, este tratamento em crianças tem como principal função corrigir problemas que necessitem de modificação do osso da boca. Isso inclui a mordida cruzada ou falta de espaço para nascimento dos dentes permanentes. 

Para essa correção, a criança usa um aparelho móvel confeccionado em acrílico e metal, que deve ser retirado apenas para comer e escovar os dentes. 

O sucesso da correção depende do tempo em que o paciente usa o aparelho, ou seja, quanto mais tempo a criança usar o aparelho, mais rápido será a correção. 

Aparelho em adolescentes

Os aparelhos já são mais comuns de serem usados na adolescência. Caso o dentista identifique crianças com necessidade de correção com aparelho fixo, o tratamento deve ser iniciado após a troca da dentição decídua (de leite) pela permanente. Isso ocorre normalmente a partir dos 11 anos. 

Isso é recomendado porque nessa idade a raiz do dente já suporta a pressão da correção e ao mesmo tempo, ainda está em formação óssea, o que contribui para o sucesso do tratamento. 

E para deixar a vida do adolescente mais colorida, o aparelho fixo costuma vir com as borrachinhas em cores, que podem ser trocadas na manutenção.  

E os adultos?

Muitas pessoas buscam o tratamento ortodôntico apenas na idade adulta, por diversos motivos, sejam questões financeiras ou até mesmo por falta de informações. 

Atualmente, boa parte do público que procura por aparelho ortodôntico tem mais de 18 anos. Porque as imperfeições no sorriso costumam impactar na vida social e também na profissional na fase adulta. 

Por isso, pensando no público adulto, os aparelhos estéticos, também conhecidos como invisíveis, têm o objetivo de disfarçar o uso do aparelho fixo se misturando à cor do dente. Mas os resultados na correção são os mesmos. Ou seja, é possível ter um tratamento ortodôntico sem prejudicar a estética do seu sorriso. 

E não importa se na infância, adolescência ou idade adulta, a Essentia Odonto tem o tratamento ideal para corrigir imperfeições e garantir o sorriso alinhado e saudável de todos os pacientes. Quer saber mais? Então entre em contato e agende a sua avaliação!

Venha pra a Essentia Odonto!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *