Os tártaros são um dos principais problemas de saúde bucal, mas que ainda não recebem a devida atenção das pessoas. Também conhecido como cálculo dental, ele é a placa bacteriana que se acumula na superfície dos dentes.

Com o passar do tempo, esta placa endurece sobre os dentes, e também pode se formar sobre as gengivas, causando irritação neste tecido e outros problemas futuramente. 

Mas a formação do tártaro prejudica a saúde não apenas os dentes e a gengiva, como também é um problema estético. Porque a porosidade absorve as manchas com mais facilidade. 

E se você tem o hábito de fumar ou beber café, é ainda mais importante que evitem a formação do tártaro.

Mas como saber se tenho tártaro? Para saber mais sobre este assunto, não deixe de ler o nosso artigo! Continue conosco. 

Mas como saber se estou com tártaro?

A formação do tártaro é facilmente visível, se estiver acima do nível da gengiva. Por isso identificar se está ou não com ele nos dentes não é difícil. 

Porque o sinal mais comum é uma cor marrom ou amarela nos dentes na região da margem gengival. Contudo, somente o dentista pode diagnosticar e remover o tártaro do paciente.

O principal motivo para a formação do tártaro é uma higiene bucal ausente ou inadequada. O uso da escova ou fio dental também podem estar ocorrendo de forma ineficiente.

Todavia, outros fatores também podem influenciar na sua formação do tártaro, como alterações do fluxo salivar ou o uso de medicamentos específicos.

O tártaro subgengival aparece mais em pacientes adultos e que já sofreram alterações na gengiva, enquanto o supragengival de fato pode acontecer em qualquer idade.

Como remover o tártaro

A camada mais escura, geralmente amarelada, do tártaro adere ao dente, bem próximo à gengiva, torna a sua remoção difícil, com métodos caseiros. 

Assim, um dentista remove o tártaro, após a consulta odontológica. O profissional faz uma limpeza profunda, com a raspagem para retirada das placas, deixando os dentes mais saudáveis e livre de toda a sujeira. 

Neste processo, o dentista também remove a placa bacteriana acumulada para evitar a solidificação e formação de mais tártaro.

O  bicarbonato de sódio surge como uma opção polêmica de retirada dos tártaros. 

Essa substância consegue penetrar a placa bacteriana e aumentar o pH, ajudando no combate às bactérias ali presentes e ajudando a remover o tártaro.

Mas o uso continuado de bicarbonato de sódio não é recomendado, porque altera a porosidade do dente e o deixa mais sensível.

Evitando a formação de tártaro

A boa higiene bucal ainda é a melhor forma de evitar a formação do tártaro. Escove os dentes sempre após as refeições e use de fio dental, pois ajuda a evitar o acúmulo de resíduos de comida que não conseguiram ser removidos por meio da escovação.

Gostou das nossas informações sobre o tártaro e como evitá-lo? Então não deixe de acompanhar os melhores assuntos de saúde bucal aqui no nosso blog!

Venha para a Essentia Odonto!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *