Conheça a Terapia Endodôntica

Conheça a Terapia Endodôntica: procedimento é um do mais corriqueiros na odontologia

Você já ouviu falar da terapia endodôntica? Essa é uma das especialidades mais corriqueiras da odontologia, e tem o diferencial de cuidar da cavidade pulpar, uma parte fundamental dos dentes. 

A terapia endodôntica também é conhecida como “tratamento de canal”, e é solicitada quando surgem dor e infecções dentais. 

A cavidade pulpar é um compartimento de tecido conjuntivo vascularizado e inervado localizado no centro do dente envolvido pela dentina. Apresenta a mesma forma do dente e por isso precisa de um tratamento diferenciado. 

A polpa é como se fosse o coração do dente e quando aparecem as doenças e lesões que acometem o tecido pulpar do dente, requer um tratamento eficaz. 

Porque a saúde da polpa do dente é importante?

Porque simplesmente a polpa é a parte viva do nosso dente. Quando ela é afetada por algum trauma ou agente agressor, como por exemplo bactérias da cárie, inflama e causa muita dor ao paciente. 

E quando há evolução deste processo inflamatório, pode se transformar em uma necrose pulpar, abrindo caminho para a proliferação bacteriana dentro dos canais radiculares. Com o tempo pode causar edemas na face do paciente e a perda dos dentes.

Assim, a terapia endodôntica é a melhor forma de tratamento destes casos. Quando ocorrem as dores espontâneas, de longa duração ou intensas, é sinal de que o tecido pulpar foi afetado e será necessária uma intervenção endodôntica. 

Mas outras situações podem prejudicar a saúde da polpa dos dentes, como quedas e traumas que provocam fraturas extensas. 

Portanto, quando a polpa é atingida, independente da situação,  o paciente costuma ser encaminhado a um especialista da endodontia, que é o profissional mais capacitado para dar início ao tratamento adequado.

Quais os sinais que indicam a terapia endodôntica?

A dor no dente é o sinal mais indicativo de que uma terapia endodôntica é necessária. Ignorar esse sintoma pode trazer futuras consequências. 

Em caso de a polpa estiver infectada e não for tratada corretamente, há um grande risco de perda dentária. O que é péssimo não apenas pela estética, mas na questão da saúde dental. 

Mas o tratamento  endodôntico em técnicas modernas e que trazem mais conforto para o paciente. 

Apesar de muitos ainda terem medo de sentar na cadeira de um dentista, atualmente não há por que temer, porque o tratamento vai restabelecer a saúde do elemento dentário, em procedimentos mais confortáveis e indolores. 

Mas este tratamento normalmente é definido após avaliação clínica e radiografia periapical do dente ou da região acometida pela dor. 

Por isso, ao sentir dor ou incômodo nos dentes, não deixe de procurar um dentista para avaliar a situação. E que tal agendar uma consulta com a Essentia Odonto? Aqui contamos com a mais capacitada equipe para o tratamento de terapia endodôntica e outras especialidades. 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *