Os dentes do siso precisam de muito cuidado e atenção. Quando eles nascem mal posicionados podem causar grandes problemas para a saúde bucal. 

Entre os males que eles podem causar estão o surgimento de cáries e doenças gengivais, a má  higienização no local, até o desenvolvimento de cistos e tumores na região da boca.

Por isso, muitas pessoas já pensam na extração quando percebem que os dentes estão em fase de nascimento. Mas sempre esse procedimento é necessário?

De acordo com os dentistas, há situações em que a extração é dispensável. É quando os dentes estão bem posicionados, sem incomodar sua boca. Por isso, não há problema em mantê-los. 

E quando a extração é indispensável?

Mesmo que o paciente não sinta nenhuma dor, mas se os sisos estiverem mal posicionados, atrapalhando inclusive a escovação, a cirurgia de retirada deles deve ser considerada. 

Entre os principais casos que levam à extração estão:

  • existência de  pericoronarite, uma inflamação que recobre todo o dente;
  • siso nascido parcialmente e está inclinado sobre o dente da frente, o pressionando;
  • dente está incluso ou impactado dentro do osso, ou seja, não nasceu.

Riscos dos sisos mal posicionados 

Quando se tem um siso mal posicionado geralmente há dificuldade para se realizar uma higiene adequada dos dentes.

Isso ocorre pela falta de acesso durante a escovação e passagem do fio dental. Assim, há o acúmulo de placa bacteriana e naturalmente gengivite e cáries. 

E na existência dos sisos que nasceram apenas parcialmente, a gengiva em volta deles pode não estar completamente aderida. Portanto, age como uma bolsa retendo os alimentos entre o tecido e o dente. 

Um grande risco é, se os alimentos não forem completamente eliminados, podem inflamar  e causar pericoronarite e abcessos. 

Além disso, as bactérias que se formam nesta “bolsa gengival” podem provocar doenças cardíacas, porque  quando caem na corrente sanguínea, migram para o coração provocando endocardite, uma inflamação da membrana que reveste o coração internamente ou de suas válvulas.

Outros problemas causados pelos sisos são os ortodônticos. Isso ocorre porque os sisos pressionam os dentes vizinhos e causam perdas do alinhamento dos dentes. 

Especialistas alertam ainda que em alguns casos, uma grande força da sua erupção pode destruir o segundo molar devido ao enfraquecimento do dente ao seu lado, fazendo com que ele amoleça e caia. 

Portanto, mesmo quando o terceiro molar ainda nem deu sinal de que irá nascer, faça uma investigação profunda, com exames de imagem de rotina. Isso ajudará a detectar mais cedo os sisos e assim garantir um melhor tratamento para os mesmos. 

E com a Essentia Odonto, você garante a melhor extração e tratamento para os sisos. Agende uma avaliação hoje mesmo com a nossa equipe e conheça a credibilidade de nossos serviços! 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *